"TeCnOLoGia A SeRviÇo Do KaOs."

domingo, 8 de março de 2009

Leia ou MORRA.



NA CERTEZA DE QUE A ETERNIDADE SEJA EFÊMERA ELE VAI, DESPEDE-SE DA VIDA COMO QUEM PARTE ATRASADO, ANDA PELAS RUAS DESERTAS COMO DAMA DA NOITE, PROMISCUA FÊMEA. ATRÁS DO QUE SEMPRE VAMOS?
O QUE PROCURA A VIDA EM VOCÊ, PONTOS FRACOS?
A VER PELA ÚNICA CERTEZA ÚTIL TEMOS A MORTE, AMIGA FURIOSA QUE ESPANCA O CORPO NU DA VIDA E MOSTRA SUA BELEZA FÚTIL, SUA CARA MALIGNA. ANDARILHA VADIA QUE DESTROI HÁ SÉCULOS A ALMA DE TODAS AS MATILHAS, MAS ELA É O VERDADEIRO CÃO, A MADRASTA NEFASTA, DIVINA.
NA NOITE BUSCAMOS ALEGRIA, SOMOS LIVRES COMO É "LIVRE" A EUFORIA QUE VEM EM COMPRIMIDOS, GARRAFAS... AH! FUMAÇAS ILÍCITAS NOS DÃO A FUGA DESSA NOVELA VAZIA.
NO CORPO A ARTE EXATA COMBINA COM METAIS QUE RASGAM O CORPO, E A DOR É A DOR QUE ENOBRECE A DOR QUE EXCITA, ASSIM COMO TAMBÉM SÃO NOBRES OS PRAZERES CARNAIS.
VAI HOMEM! VAI A LUTA, PÕE SUAS ROUPAS ,SAI, RASGA SUA ALMA, IGNORE A MODA E, NA ESCOLA BUSQUE A CERTEZA DE QUE JÁ É HORA DE REVOLTA. (DENTRO DE TODO HOMEM HÁ UMA CRIANÇA REVOLUCIONARIA).
NOSSAS ESPADAS EMITEM SONS RAIVOSOS, MAS O QUE HIPNOTIZA NÃO SÃO OS RUÍDOS, É A RECIPROCA IDEIA DE TI E DA INTERIOR VERDADE, "SOU EU SEMPRE, PORQUE EU SOU A INSANA REALIDADE".
EMBRIAGADO NA ESTRUTURA CONFUSA DO MEU SER PERMANEÇO CALADO E, EM FRENTE AO PALCO VEJO O ROCK ‘N ROLL DE UMA FORMA BONITA ME APRESENTAR AO TÃO TEMIDO diabo. SUBO ENTÃO ATÉ ESSE ALTAR SAGRADO, E LA DE CIMA VEJO QUE NÃO PRECISO DE REGRAS E/OU NORMAS, NADA QUE SEJA OBRIGADO. NA' MAIS PURA SENSAÇÃO LIVRE QUE A FIEL LIBERDADE NOS TRAZ EU PULO SOBRE A MULTIDÃO, E ELA ME RECEBE COM TAMANHA INTENSIDADE QUE UM SEGUNDO ALI, PRA MIM É A PRÓPRIA ETERNIDADE. ENTÃO CONSCIENTEMENTE DESMAIO E DECLAMO GRITANDO OS VERSOS DESTILADOS DA POESIA DA MINHA VIDA NO NOBRE ROCK ‘N ROLL PSICODÉLICO PSICO GRAFADO (SE VOCÊ MISTURAR VIDA COM ROCK ’N ROLL VAI PERCEBER QUE O MAIS FÓDA DE TODOS OS ESPORTES RADICAIS É A CRUA RODA PUNK, A MAIS INTENSA CONTEMPLAÇÃO DA VIDA. É COMO QUE SE NESSE MESMO PALCO A PRÓPRIA VIDA FOSSE UMA PUTA BONITINHA DE DEZESSETE ANINHOS FAZENDO STRIP, E A CADA ACÓRDE NOVO DO NOSSO VELHO ROCK ‘N ROLL ELA SE OFERECE PRA VOCÊ COMO VERDADEIRA DAMA EXCITADA E, DENTRO DESSA MESMA RODA PUNK EU À ESTUPRO E DEPOIS VOU PASSANDO SEU CORPO PELA MULTIDÃO ENLOUQUECIDA DE VOLTA AO PALCO, E DE NOVO NO PALCO ELA GANHA VIDA.E TUDO COMEÇA DE NOVO.PRA MIM, MISTURAR VIDA E ROCK ‘N ROLL É ISSO).
MANTENHO CONTATO COM O OUTRO LADO E PARA ABRIR A PORTA E CONVERSAR COMIGO, O "EU" DO OUTRO LADO, EU ACENDO UM PENSAMENTO E VIAJO ENQUANTO MEU CORPO NO AR É LANÇADO, DESCUBRO O QUE SOU E, VOLTO PARA LIBERTAR-ME SÓBRIO DA INFELIZ SOCIEDADE. APRENDO ENTORPECIDO PRA ENTENDER O QUE DE MIM QUER A REALIDADE.
MEU ÁLIBI É A LOUCURA E ASSIM REVOLUCIONO 24 HORAS DENTRO DE UM MINUTO, E ASSIM VIVO INTENSAMENTE CADA SEGUNDO ( COMPARO ISSO A DETERMINAÇÃO DE UMA CHUVA, QUE SEMPRE MOLHA OS TELHADOS); (METAFÓRICAMENTE FALANDO ISSO TAMBÉM ESTA LIGADO A BRASA DO CIGARRO QUE QUEIMA FEROZMENTE ATÉ A ÚLTIMA TRAGADA).
O PUNK É COMO O CORPO QUE NASCE PRA SER ENTERRADO. CEMITÉRIO, AH! TÃO DESEJADA MORADA, QUEM SEMPRE TANTO QUIS DIZER, QUIS GRITAR, NO EPITÁFIO SE EXPRESSA. DERRADEIRA POESIA DO POETA, SUJEITO CONFUSO QUE AMA A LUA E, A NOITE, A AMANTE SUA, SEMPRE LHE ESTUPRA COM AMOR E O RESGATA DA BOÇAL VERDADE DO DIA E, SE ENTREGA TOTALMENTE PURA. COMO SE FOSSE A MAIS NATURAL DAS ERVAS. E COMO É PURA A VONTADE DE NOVOS DIAS DA NOSSA ARDENTE ANARQUIA, REVOLUÇÃO ARCO-IRIS TORTO SÓRDIDO E ESCURO QUE BRILHA NO HORIZONTE "A SUPER NOVA SUPER DA POESIA".
AH COMO É BOA ESSA VONTADE LOUCA DE ME PERDER DA VIDA... E ME ACHAR DE NOVO DENTRO DE UM NOVO DIA, E ESPERAR ANGUSTIADAMENTE PELA NOITE, ESSA EFÊMERA ETERNIDADE QUE NA REALIDADE TRANSFORMA TODOS OS HOMENS E, NA LOUCURA APENAS NOS LIBERTA. É A CHAVE DA PORTA DA PERCEPÇÃO, A PSICODELIA QUE NOS ESPERA E QUE NOS LEVA PRA LONGE DA INESCRUPULÓSA RAZÃO.

Submundo HC - Abaixo o Capitalismo! Viva o Anarquismo Demo (2002)


Banda de Punk e Hardcore de Recife. Desde 1999 denunciando os abusos e diferenças que transformam esse país em um caos social,com letras politizadas que abordam a situação caótica que o capitalismo vem trazendo para o mundo, destacando a energia e garra que complementa o som sólido e potente!
Som direto e sem frescura e underground, pra quem curte tanto o Punk Anarquista libertário quanto o hardcore nervoso pra se bate cabeça é recomendado ouvir isso aí e pira no som desses louco.

sábado, 7 de março de 2009

Are you God? - Espelho de Carne EP (2001)


Banda demente de grindcore Formada em São Paulo, por Jão (guitarra/vocal), Bernardo (baixo) e Carlos (bateria). o Are you God? está esculpindo a nova cara do grindcore, mais livre e corajosa, e nem sabe disso. Seu EP “O Espelho de Carne”, produzido pelo phD em barulheira Massaki Kurokawa, é um dos melhores e mais originais registros de uma banda underground brasileira em todos os tempos. Pra quem curte um Som nervoso e desgraçado, Are you god? é recomendadissimo em todos os kezitos, odios, raiva e desespero hehehe. com muita influência em NASUM, e outros Grindcores Rápidos e acelerados o Are you god? não economiza no Protesto, PEso e kaos no seu Som e Suas Letras.

sexta-feira, 6 de março de 2009

Triste Fim de Rosilene -A Verdade é a Pior Mentira Que existe


Triste Fim de Rosilene nasceu em Aracaju – Sergipe no ano de 2003 e infelizmente encerrou as atividades no ano de 2006, tocando um hardcore old school.

O nome da banda li em uma entrevista que nasceu de uma empregada doméstica chamada Rosilene que morreu atropelada várias vezes, e a mídia não deu atenção ao assunto pelo fato de na mesmo época ter morrido Airton Senna.
Apesar do pouco tempo de existência tocou em vários lugares pelo nordeste e até mesmo no sudeste e conquistou várias pessoas com a sua música rápida e suas letras politizadas. A banda contava com os vocais de Daniela, Alex guitarra e vocal, Babalu na bateria, Ivo no baixo e vocal e Luís na guitarra.

A banda gravou uma demo e também um split com o Mais Treta(Bahia) e a banda Ofensa(Espírito Santo), com 30 músicas tocadas em 10 minutos. Como falava em uma resenha que li TFR é hardcore político, consciente e sonoramente SxE.
Vou colocar a demo* "A Verdade é a Pior Mentira Que existe", que conta com 9 músicas.

segunda-feira, 2 de março de 2009

Ramones - We're Outta Here! (1997)


We're Outta Here! é um álbum ao vivo do Ramones lançado em Novembro de 1997. Foi gravado pelo Billboard Live no The Palace em Los Angeles, Califórnia no dia 6 de Agosto de 1996 quando os Ramones executaram o seu último concerto. O disco trás convidados especiais como Eddie Vedder do Pearl Jam, Tim Armstrong e Lars Frederiksen membros do Rancid, o ex-Ramone Dee Dee, Chris Cornell do Soundgarden e Lemmy do Motörhead. Pois é galera ta aí o Registro do ultimo show dessa Banda maravilhosamente fudida, pelo que representa em nossas atitudes e também e nossas vidas, quem tá no underground e não curte Ramones é porque deve te algo errado com o cara hehehehe. E nesse álbum eles se despedem com classe mandando 32 musicas loukissimas, contando com as participações especiais ja ditas aki.

domingo, 1 de março de 2009

Ataque Nuclear - Thrashback From Hell [2008] DEMO


A banda ATAQUE NUCLEAR, formada em agosto de 2007, que veio para mandar um som no melhor estilo old school, thrash skate crossover 80's. Que vem com influências diretas de clássicos como Suicidal Tendencies, D.R.I., S.O.D., No Mercy, Anthrax, etc, fazendo uma junção com bandas recentes como, Municipal Waste, Hatebreed, R.A.M.B.O., entre outras nacionais.
Com letras falando sobre zumbis, desastres nucleares, intoxicações, realidade das ruas, atualidades e política com uma sonoridade influênciada por várias vertentes, que vai do metal ao punk. ta ai a DEMO dessa banda loukissima que também é de Campo Grande - Mato grosso do Sul como o Repudio CxGx onde tá rolando uma cena underground responsa por parte desses maluco, baixa essa porra ai que é pra qualqer um que seja demente por Crossover e som dos underground qi vc não vÊ no domingão do Faustão no dia de Domingo, que é perfeito pro bate cabeça..

Murro No Olho - Mar De Cadaveres [2007]


MURRO NO OLHO iniciou sua carreira em Paracatu/MG por volta de 2002. O propósito de fazer um som sujo, um lixo sonoro, desde então, prevalece no grupo. A sonoridade tem influências de antigas bandas crust/punk da Finlândia e Suécia, como Rattüs e Anti-Cimex. Grandes pessoas passaram pela banda, que agora procura se firmar com Negretex na Guitarra, Amändix no Baixo, Régis Guitarra/Vocal e Juliano Bateria. A banda nunca perdeu a disposição de denunciar o horror à nossa volta e expressar por meio de letras como "Sozinho no Inferno" a revolta contra o terrorismo presente nas vidas dos desvalidos.