"TeCnOLoGia A SeRviÇo Do KaOs."

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Extreme Noise Terror - Damage 381 (1997)


Cara, pra mim essa é uma das melhores bandas do mundo, relacionada a som extremo, underground e Anarquista e nesse album em especial conta simplesmente além do vocal Furioso de Dean jones o vocalista original da banda, conta tb com o Mark Barney Greenway nada mais , nada menos que o Vocalista do Napalm death simplesmente a melhor banda de grindcore do mundo, ai ja junto um psicopata crust, coum um psicopata grindcore, ai voces podem imaginar o que vira né hehehe...AAAAAAAAAAAAHHHHHHHh.

Vai aí uma resenha sobre o Extreme noise Terror que eu roubei de um outro blog Foda aí.

Sua sigla ExNxTx, desde meados dos 80's faz freiras e "cidadões de bem" ao redor do globo agoniarem. Os ouvidinhos progressivos sentem que toda sua teoria musical está sendo violada só em ouvir seu nome. Nunca uma banda foi tão alvo de críticas musicais de quem considera ter uma mente sã. Mas essas mesmas mentes sãs não foram capazes de ter a visão de mundo extremamente ácida dessa rapaziada. E principalmente sua capacidade de converter jovens propensos a serem mais uns incendiários de mendigos que depois se confessam na igreja, em garotos com excelente visão crítica sem jamais perder a capacidade de criar e se expressar com simplicidade. Enquanto as mentes sãs tentam nos explicar com números, vetores e gráficos coisas que jamais precisaremos entender, o Noise Terror com poucos grunidos revela toda a sacanagem em que nosso mundo tá imerso.Sua estrutura musical é marca fundamental para o crust e o grind. Aliando ela ao bom e velho Napalm Death e aos D-Beats do Discharge, você já pode pegar várias bandas que citam o Extreme como grande influência. Dos mascotes aqui do blog já temos a também lendária Disrupt que herdou a causticidade das letras e a marretada do instrumental.Entre outros rebuliços provocados na Inglaterra por essa trupe, dá pra citar o episódio em que o grupo de dança de pista The KLF, quando putos com a premiação já determinada do prêmio de músicas pops inglesas o ''BRIT Awards", resolveram esculhambar de vez na sua apresentação, chamando o ExNxTx pra dar aquela força. Devem no mínimo ter sido a única banda que tocou ao vivo no festival, mesmo que tenha sido só pra fazer burguês chorar de raiva. Inútil dizer que eles não conseguiram tocar até o fim, e alguem já pediu para eles se retirarem... aquilo pra a produção do BRIT Awards não era hora nem lugar pra atacar a Igreja, a sociedade e os políticos.Bom, se você quer ter audição até os 60, se acha que a ONU ou o Live8 vai salvar o mundo, ou se acha que quando Jesus voltar tudo se resolve...então pare logo por aqui e vai assistir o Criança Esperança.Para os outros que chegaram até aqui espero que a essência Crust não morra em você, simplesmente por que você não é mais jovem e agora você tem que ouvir gente ''madura''. Pego essa frase emprestada do Minor Threat - "O que importa não é a idade que você tem, é quanto você sente que tem. And we are just! a Minor Threat!".

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Você Pode Ser Um Anarquista!!!!


Isso é verdade. Se sua idéia de relações humanas saudáveis é um jantar com amigos, na qual todos gostam de todas as outras companhias, responsabilidades são divididas voluntária e informalmente, e ninguém dita ordens ou vende qualquer coisa, então, nesse caso, você é um anarquista. Simples e humilde. A única questão que permanece é de que modo você pode arranjar mais as suas interações para assemelhar-se a esse modelo.Sempre que agir sem esperar por instruções ou permissão oficial, você é um anarquista. Qualquer hora que quebrar uma ridícula regra quando ninguém estiver olhando, você é um anarquista. Se não acredita em governo, em sistema escolar,Hollywood, ou em direções que acham que sabem mais do que você sobre coisas que afetam a sua vida, isso também te torna um anarquista. E é especialmente anarquista quando você chega com suas próprias idéias, iniciativas e soluções.Como você pode observar, anarquismo é as coisas que fazemos e a busca de uma vida interessante. Se nós esperamos que autoridades, especialistas e técnicos tomem conta de tudo, nós não só desejamos estar em um mundo perturbador,mas também terrivelmente aborrecedor - enfadonho - coercitivo. Hoje nós vivemos neste mundo (terrivelmente chato) de perturbações precisamente para adiar o que nós abdicamos: responsabilidade e controle.O anarquismo está presente em cada existência humana saudável. Isto não é necessariamente sobre jogar bombas ou usar máscaras pretas, ainda que você tenha visto isso na televisão (Você acredita em tudo que vê na televisão? Aquilo não é anarquista). A raiz do anarquismo é o simples impulso para o faça você mesmo: tudo o mais resultará disso.

Extraído da publicação fighting for our lives - an anarchist primer da CrimethInc.

FaLsOs MoRaLiStAs....



" Ah, donos da verdade, senhores do conhecimento e de cultura, fingidos bons costumes e boas intenções.
Apenas suas verdades são legitimas, suas posições políticas engajadas, suas soluções, únicas.
Ai, que dó, ver o poço de ilusões ao qual se enfiaram, tão convictos que seus castelos de areia são de tijolos revestidos com ouro, mais perdidos do que os cegos de Saramago isolados naquele manicomio.
Profundo desespero ao olhar em volta e perceber, que esses cegos iludidos disfarçados de sábios elegantes, nos direcionam, governam, orientam, ensinam, iludem, controlam e manipulam com o nosso satisfatório consentimento."
Dandara A.M.L Silva

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Agrotóxico - Libertação (1997)


Formada em São Paulo em 1993, a banda hardcore Agrotóxico, possui 5 discos lançados no Brasil e Europa, sendo seu mais recente registro o CD “Libertação”, que é esse qute estou postando aki no Blog.
As letras do Agrotóxico abordam temas políticos e sociais como: anarquismo, autogestão, ecologia, guerras, etc.
A banda já percorreu o continente europeu em 3 turnês em 2002, 2004 e 2007 e atualmente é formada por: Pedro (Bat.), Marcos (Guit./Voc), Arthur (Guit./Voc) e Jeferson (Baixo/Voc.).