"TeCnOLoGia A SeRviÇo Do KaOs."

domingo, 21 de fevereiro de 2010

A velha vontade de se sujar?



Foi tomar um banho!
Sem entrar no mérito do passado, olhar o presente e passado(pessoas, não a história) com sua letárgia é sufocante.
O se sujar não é de forma literal, é sim, o querer chocar, bater de frente com a moral e os bons costumes de uma sociedade cada dia mais mesquinha, hipócrita e falso moralista.
Se escreve para agradar aliados, se faz música para agradar o também bom costumeiro mercado cada dia mais contaminado com os seus preceitos "neo-cristão-liberal" e com a simples visão econômica como ponto de partida, angariando ovelhas e seus dízimos e se veste para agradar donzelas.
Sejamos desconstrutores do modelo atual da cultura de massa, do "visual é tudo...", do cordeirinho de deus e abandonemos o modelinho a ser seguido (o Gilcélio vai sacar o porque de citar tanto os assuntos rodoxianos).
Foda-se o clericalismo e seus Punks Cristãos deturpando um ideal libertário primordial, o de negar a idolatria e suas concepções religiosas.
Cheguemos com o pé no peito de tudo que nos é imposto, inclusive esse texto que não escrevo de forma absoluta, questione, DISCORDE. Se alguém/algo lhe diz que devemos obediência e passividade, reneguemos, pois, somos livre, nascemos livre, no criam cerceando a capacidade de ir além, nos querem sob controle, mas as idéias estão la dentro da cabeça esperando para o despertar.
Não vamos nos acomodar, vamos construir no submundo a contra-cultura que realmente nos representa, são as idéias de quem está próximo a você e lhe é reconhecido por ser também sua realidade. É o submundo uma área fértil para pensar, questionar, debater e lutar... Existe essa necessidade, você também deve sentir.
Precisamos ocupar espaços, sem mendicância, sem dependência de uma oportunidade "esmolada", apenas usando o ato de CHEGAR E FAZER.
Se não ocuparmos espaços com o ideal real libertário o estado faz, a igreja faz e a polícia faz...
O marasmo e o conservadorismo da música e dos padrões impostos a juventude causou a ruptura e explosão contra o estabelecido, trazendo algo desconcertante, o PUNK enquanto contra-cultura. E olhando agora em volta(seu país, seu estado, sua cidade, seu bairro e seus amigos) , o que é que você vê???

Thiago,Pütërö, Bärtïãö...

Nenhum comentário: